terça-feira, outubro 10, 2006

A inspiração


Como um alvo vértice de pureza
Que brota da fonte do coração
Mais límpido que qualquer devoção,
Bebo de ti toda a tua beleza.

E nessa bela e sublime grandeza,
Entrego-me à purificação
Das doces lágrimas da emoção
Que do meu ser se soltam em leveza.

Ó inspiração! A ti devo a vida!
Tua linda luz me fez renascer
Das cinzas onde eu estava escondida.

Tu! Tu és esse magnífico ser
Que me ajuda a sentir protegida
E o amor-próprio engrandecer.

7 comentários:

Vera disse...

E que grande que tu és minha querida! Bendita inspiração que faz com que faças maravilhas!
Que luz irradias! És magnífica mesmo! Adoro-te muito!
Beijo grande!

Instintos disse...

Bom dia,mas que bela inspiração,pra fazermos qualquer coisa precisamos dela,ela nos faz viver e fazer as coisas mais lindas...bjos querida amiga e tenhas uma ótima semana...

João Filipe Ferreira disse...

Parabéns pelo poema..gostei imenso, de facto na vida que levamos até pa certas coisas insignificantes é necessario um toque de inspiração:)
a tua inspiração é rica, bela e maravilhosa...parabéns mm pela tua linda inspiração:)

Fernanda disse...

Suas palavras me trouxeram cor, num dia em que me encontrava em meio ao cinza...
Bjs!

Márcia(clarinha) disse...

Inspiração que vem de dentro d'alma limpa e coração pleno...
lindo dia flor
beijossssssss
*Não querida,não ficamos insensíveis é apenas escudo usado para diminuir saudade[sobre seu comentário,rs]

Delfim Peixoto disse...

Swem inspiração, na verdade nada se faria...com prazer
bjs doces e ternos

melinha disse...

e mta inspiraçao tu tens :) gosto mt das tuas palavras
bjinho