terça-feira, outubro 31, 2006

A rosa


Rosa.Tu és a rosa
De pétalas delicadas,
Perfumada e formosa,
De graças encantadas.

Teu nome é Primavera,
Tuas folhas, esperança,
Doce e sincera,
Veludo e benquerança.

Versas a beleza,
Cantas o amor
Com toda a destreza,
Mostras o teu sabor.

Choras as dores
E a tua revolta.
Lágrimas, cem cores
Caem à tua volta.

Rosa. Tu és a rosa,
Aquela que eu escolhi.
Eternamente talentosa,
A felicidade do mundo para ti.

Este poema é dedicado à minha querida amiga Vera.

12 comentários:

A MUDANCA disse...

E que linda rosa que ela é, e mais um poema lindo com pétalas bem perfumadas.
E como é bom ter amigos assim.

Beijo

FF

Vera disse...

Minha querida amiga! Nunca ninguém me emocionou tanto e me fez uma surpresa tão linda! Não tenho palavras para te agradecer! Tu és a melhor amiga que alguém pode ter, não há palavras suficientes no dicionário para te elogiar! Só quem te conhece pode perceber a grandeza do teu ser, do teu coração!
Adoro-te!!! Adoro-te como se adora a grandeza da noite, a pureza do dia, o calor do sol, o brilho das estrelas e de uma noite de luar!...
Não sei o que fiz de tão bom na vida para encontrar uma AMIGA como tu!
Acho que estou demasiado emocionada para dizer o que quer que seja! Obrigada, do fundo do coração! Nunca pensei que se pudesse chorar tanto de alegria...
Um beijo enorme e um abraço grande, apertado, daqueles bem carinhosos que fazem esquecer qualquer coisa mais triste!
Adoro-te, adoro-te e adoro-te! E mil vezes te adoro!

Delfim Peixoto disse...

Quando se tem um amigo tem-se um Tesouro, maior que a maior riqueza da Terra! E os amigos devemos conservar no nosso coração, e constantemente fazer com que eles não saiam de lá!
Pelo que conheço, ela bem merece!
bjs ternos no coração da Angela..
Bjs para a Vera!

Nilson Barcelli disse...

Mas que grandes amigas vocês são...
Até fiquei com alguns ciúmes... afinal tu és minha quase-nora...
Nem sabes a vontade de rir que me deu quando abri o teu blog... olha que eu não sou nada chato (estatisticamente falando, claro, pois uma vez não são vezes...). Acredita em mim.
Um beijo.

Carlos Henriques disse...

Parabéns por teres um coração que fala assim. Embora seja para a "Nossa Amiga Vera" agradeco-te pela oportunidade que nos concede de ler-te...

**beijos**

Defensor, O Maldito disse...

Saudações!
Homenagens desta forma entre amigos são coisas raras hoje em dia.
Parabéns
PS= quanto à língua/seringa do blog vou mudá-la em breve...
Abraços

Daniele disse...

Minha já tão querida Amiga Angela,
Esse seu último poema me emocionou demais, a beleza, o dom da sua fina escrita, em que o lirismo transcede já me é conhecido, mas o ato desprendido de Dedicar a sua amiga Vera, foi lindíssimo.
És uma Rosa...uma rosa belíssima, que emana poesia em cada pétala que possui, e mesmo quando botão és bela demais !
Da amiga que muito lhe quer bem e que é uma apreciadora da sua fina escrita,
Daniele

Plum disse...

Cantiga de amigo!!!!abracinhos!*

BlueShell disse...

Foi apenas mais uma concha que se perdeu! Quem sentirá a sua falta?

Márcia(clarinha) disse...

Que deliciosa homenagem, meiga, gentil e carinhosa, parabéns as duas meninas, Vera e Angela por se cativarem e passar através de versos tanto carinho e amizade.
Lindo e feliz dia flor
beijossssssssssss

Saramar disse...

Querida, boa noite.
Certamente sua amiga deve ser uma pessoa maravilhosa e merece tão linda homenagem.
A amizade é algo tão precioso que estas demonstrações carinhosas são sempre bem vindas.

Beijos

Isa&Luis disse...

Olá,

vim ao teu cantinho através de outro.

Gostei de passear nas alamedas do teu espaço.

Beijinhos

Isa